terça-feira, 22 de junho de 2010

Amo*

*(...) com borboletas na barriga, com girassóis ao sabor do vento, com sabor a morango e chocolate, com carinho e ternura à mistura, com ele por perto, bem perto para aconchegar o ar que eu respiro e até a mim, porque sem o seu abraço, sem os seus braços a enconstarem-me no seu peito eu não era quem sou...
 
 

1 comentário:

- Inês Sousa disse...

Podes crer, lembranças que nos marcam tanto que passe o tempo que passar permanecem conosco.
Texto lindo !